04
Jun 13

12ª Edição da Corrida do Oriente como habitual apresentou aos atletas um percurso bastante agradável tendo ao seu início e final como pano de fundo o Rio Tejo, que tantas histórias ainda têm para contar.

São 10 Km muito rápidos em que o primeiro classificado gastou 31m e 49s foi ele Hermano Ferreira do G.D. Conformlimpa, eu gastei 45m 13s que me colocou na 228 posição da classificação geral.

Mais ou menos a meio passava-se em frente do Centro Comercial Vasco da Gama ao lado direito a Estação da Gare do Oriente, seguimos em frente até Cabo Ruivo contornando a rotunda sempre á esquerda para se voltar a passar Centro Comercial e Gare do Oriente, para finalmente se entrar na recta da meta em terra batida onde o Sol já fazia alguns estragos nos atletas.

Aos sons dos Toca a Rufar os atletas iam cortando a meta, um pouco mais á frente como é tradição recebia-se a caneca alusiva á corrida.

Mas nem sempre este local teve um aspecto agradável, foi a partir da Expo98 que se deu quase um milagre na transformação paisagística.

Antes era um depósito de carros militares sem qualquer utilidade, no local onde agora está o Oceanário encontrava-se o hidroavião que fez a ligação Lisboa-Rio de Janeiro  por Gago Coutinho e Sacadura Cabral, locais que o meu avô me levava a passear algumas vezes, com passagem obrigatória pelo Aeroporto.

Agora temos uma responsabilidade para com a Corrida do Oriente tenha mais edições cabemos preservar aquele local.

 

 

publicado por TERTÚLIA DOS ULTRAS às 23:09

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

16
17
18
20
21
22

23
24
25
26
29



arquivos
Contador de Visitas
Free Hit Counter
Free Hit Counter
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO