13
Jun 13

No seu livro "Correndo na Madrugada" António Belo descreve o inicio das Provas de Montanha que transcrevo resumidamente.

No ano de 1995, surgia um novo tipo de provas, com outros aliciantes, em primeiro lugar porque privilegiavam os caminhos de montanha em terra batida e as obrigatórias subidas e descidas, em segundo, porque se tratava de uma espécie de campeonato, com pontuações pelas classificações em cada prova.

Os prémios atribuídos, também rompiam com o que era tradicional, ou seja, as habituais medalhas etaças, davam lugar a lembranças de artesanato, feitas com os materias existentes nos locais onde as provas se disputavam, madeira, pedra, olarias, etc..

O «Desafio 95», nome sugestivo para tal campeonato, ainda introduzia outra inovações, uma prova disputada em «contra-relógio» individual, na Serra de Sintra, terminando junto ao Palácio da Pena, depois de ter percorrido as muralhs do Castelo dos Mouros, e outra disputada em dua etapas, nas manhãs de sábado e domingo, no mês de Agosto, terminado no ponto mais alto sa Serra da Estrela.

  

  

publicado por TERTÚLIA DOS ULTRAS às 14:39
tags:

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

16
17
18
20
21
22

23
24
25
26
29



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
Contador de Visitas
Free Hit Counter
Free Hit Counter
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO